E-mail: blogdofoguinho@hotmail.com

sexta-feira, 19 de junho de 2020

Santa Quitéria terá três candidatos a prefeito: Manim Leal, Sâmia Moreira e Ana Cláudia.

Por: Blog do Foguinho, 19 de junho de 2020.

O novo cenário político na cidade de Santa Quitéria ganha mais um personagem, com o nome da atual prefeita do município, Ana Cláudia.

Ana Cláudia é a atual prefeita e deve concorrer à reeleição pelo partido PDT, com isso a cidade terá três nomes na disputa das eleições deste ano, Manim LealSâmia Moreira e Ana Cláudia.

Manim Leal e Sâmia Moreira eram os favoritos e protagonistas para ganhar as eleições, mas com a chegada de Ana Cláudia, ela mexe no tabuleiro e o cenário fica duvidoso e indeciso.

1-Ana Cláudia chega com um propósito de reorganizar o governo, pagar os servidores e fortalecer o grupo, mas vai enfrentar dificuldades por ter pouco tempo para viabilizar uma disputa política em cima da hora, em outubro.

2-Sâmia Moreira, é uma forte pré-candidata, tem grupo político, sabe articular e conhece os caminhos para vencer as eleições, mas perdeu nesses últimos dias a atual prefeita, Ana Cláudia, que já estavam fechados para as eleições, ou seja, ficou um grande vaco que precisa ser preenchido o mais rápido possível.

Obs: Sâmia é esposa do líder político Neto Carvalho.

Manim leal, Manim já foi prefeito de Santa Quitéria, é hoje um dos mais fortes pré-candidatos, tem todas as habilidades políticas, carisma e serviço prestado à população. Manim está forte, mas precisa se articular mais e fazer a diferença.

Um outro fator, é o grupo deixado por Alberto Rocha, que está livre e sem representante. Quem conseguir juntar força com este grupo, poderá fazer toda diferença antes das convenções.

Agora é aguardar, Manim Leal, Sâmia Moreira ou Ana Cláudia.

Vergonha: Vereadores da base do governo da prefeita Vanderly votam contra projeto que isentava população na taxa de iluminação pública por três meses.

06 vereadores votaram contra o projeto e contra o povo.
Por: Blog do Foguinho, 19 de junho de 2020.

A Câmara Municipal de vereadores rejeitou na manhã de hoje,19, o projeto de autoria do vereador Robert Rosandro que isentava a taxa de iluminação pública a população de Anapurus durante os 90 dias da Pandemia do COVID-19.



O projeto tinha como base suspender por 3 meses o pagamento da taxa da iluminação pública a toda população, o projeto entrou em pauta na sessão de hoje, 19, na Câmara Municipal e os 06 vereadores da base do governo votaram contra o projeto que foi derrubado.

Com o voto dos vereadores ligado a prefeita Vanderly Monteles, a população não terá direito a este benefício que ajudaria muito a todos durante este momento da pandemia.

Contra o povo.

Veja os vereadores que votaram contra o projeto e beneficiou a prefeitura de Anapurus.

Ademar , Reinaldo Klauck, Rose Monteles, Jucinha Bastos, Toinho da Lojinha e Dean da Água Rica


A favor do povo.

Somente os vereadores Robert Rosandro e Leovana votaram a favor da população.







Flávio Dino fixa retomada das aulas no dia 1º de agosto e anuncia funcionamento de bares e restaurantes dia 29 e academias na segunda-feira, dia 22.





O governador Flávio Dino anunciou, em coletiva nesta sexta-feira (19), a retomada das aulas da rede estadual no dia 1 de agosto.

“Ainda vamos intensificar oitiva com pais e mães, mas anunciamos de modo definitivo fixada a data de 1 de agosto para a retomada das aulas com protocolos sanitários editados em decreto. Em relação às universidades e faculdades também poderão iniciar nesta data, ficando a cargo de fixar protocolos pedagógicos por meio de decisões dos colegiados superiores e conselhos regras para funcionamento das aulas”, disse o governador.

Em relação às atividades comerciais, Dino ressaltou a abertura em fases “porque há um planejamento no sentido de evitar retrocessos epidemiológicos”. A abertura das academias será realizadas na próxima segunda-feira e bares e restaurantes no dia 29 de junho. “Protocolos sanitários aprovados e vamos fiscalizar”.

O governador anunciou ainda a retomada dos treinos no mês de julho e jogos no mês de agosto no que se refere ao futebol.

Sobre críticas de redução de leitos dedicados ao coronavírus, Flávio Dino disse que o número de casos estão diminuindo e, por isso, os leitos estão sendo destinados para outras finalidades.

“600 leitos vazios seria anti-econômico. Não iria manter leitos vazios sabendo de outras patologias. Por isso está havendo a devolução de prédios privados. Pessoas mal intencionadas divulgaram isso de forma errada, na verdade há redução de alguns leitos em São Luís e ampliação no interior no estado onde o coronavírus é mais forte”, explicou.

https://www.facebook.com/pages/Blog-do-Foguinho/217621605048826?ref=hl