E-mail: blogdofoguinho@hotmail.com Fone: (098) 99147-3880

sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Vereadores Cobram do Promotor de Justiça medida judicial sobre a conclusão da obra das Mil Casas, em Chapadinha.



Vereador Eduardo Sá e Marcelo Meneses


Na sessão desta quinta-feira, 24, o assunto mais comentado foi o via que dá acesso a Avenida Mil Casas.

Os vereadores Eduardo Sá e Marcelo Meneses relataram a morte do Chico Branco, que sofreu um acidente na via, o acidente do Pixuruca, que colidiu o seu veículo em um poste, o acidente do morador Victor e outros diversos acidentes que já aconteceu na via de acesso.  Os parlamentares relataram que a via não tem iluminação pública, tem muita poeira, buracos e falta o asfalto. Caso o Secretário de Obras não tome atitude, mais acidentes e pessoas podem perder a vida de forma trágica, como aconteceu com o comerciante Chico Branco.

Cobrança ao Ministério Público.

Marcelo e Eduardo Sá cobraram uma medida judicial urgente do promotor de Justiça de Chapadinha, para que tome atitude e faça com que a prefeitura termine a obra e entregue aos moradores, pois no local tem 2 mil casas e diversos pais e mães de família trafegam diariamente por ali.

Só para relatar, casos como esses aconteceu recentemente na cidade de Tutóia, Veja.

Isso sim é olhar para a população! Prefeito Diringa é obrigado a manter e recuperar hospital de Tutóia em 45 dias.

O juiz Rodrigo Otávio Terças Santos, o prefeito de Tutoia, Raimundo Nonato Abraão Baquil, mais conhecido como ‘Diringa’, terá que recuperar e manter o Hospital Municipal Lucas Veras e os postos de saúde do município.

O gestor tem o prazo de 45 dias para realizar as reformas e adaptações imprescindíveis para o adequado funcionamento de acordo com as normas estabelecidas pelo Sistema de Vigilância Sanitária, sanando todas as irregularidades apontadas no relatório de inspeção, sob pena de multa diária no valor de R$ 5 mil.

 E ai, Gostaram da medida judicial ? e se acontecesse em Chapadinha ? os moradores das Mil Casas iriam aplaudir de pé, tanto o promotor, quanto o Juíz.

Voltando para Chapadinha, sessão de vereadores.

Câmara de Vereadores de Chapadinha.

Na sessão a vereadora Márcia disse que “a obra tem que ser concluída, e que uma vida já se foi e outras poderão ser ceifadas, a obra tem que ser concluída, finalizou a vereadora.

Já o vereador Eduardo Braga, pediu que a prefeita municipal procurasse os moradores para um diálogo e evite manifestações e protestos, com o diálogo tudo pode ser resolvido e a conclusão da obra tem que ser feita. Finalizou Braga.

Somente a vereadora Francisca Aguiar, relatou que a morte do Chico Branco pode ter sido excesso de velocidade e que a via é muito larga. Francisca disse que a prefeitura não tem culpa, e a culpa é da CEMAR.

Atenção: Promotor de Justiça Dr. Douglas Nojosa, Juíz Dr. Cristiano, prefeita Belezinha e Secretário de Obras Aluízio Santos.

O povo merece uma resposta, e já.

Caso contrário, um grupo de moradores estão se organizando para começarem uma manifestação e interditar a via, paralisando a coleta do lixo da cidade toda.

Atenção! O morador Vandame é uma das pessoas indicadas para iniciar o diálogo Fone: 99111-2644. Vandame faz parte de um grupo de moradores das Mil Casas.

0 comentários em “Vereadores Cobram do Promotor de Justiça medida judicial sobre a conclusão da obra das Mil Casas, em Chapadinha.”

Postar um comentário

https://www.facebook.com/pages/Blog-do-Foguinho/217621605048826?ref=hl